(45) 3035.1801 viaggiturismo@viaggiturismo.com.br

Um paraíso na África do Sul: a beleza extraordinária de Mpumalanga

‘’O lugar onde o sol nasce’’. O significado de Mpumalanga resume em poucas palavras, o brilhante cenário de paisagens naturais. A segunda menor província da África do Sul surpreende pela grandiosidade de suas atrações: a caverna mais antiga do mundo, o terceiro maior cânion do mundo e uma das maiores reservas de vida selvagem do mundo. Que tal explorar esse universo de cenários pouco conhecidos? Vamos lá!

 

Kruger National Park

O Kruger é considerado a maior reserva natural da África do Sul, em um espaço de aproximadamente 20 mil km² no qual abriga cerca de 140 espécies de mamíferos, mais de 500 espécies de pássaros e uma enorme variedade de anfíbios e répteis. Considerado um verdadeiro santuário da fauna e flora sul-africana, o parque oferece safáris onde é possível avistar os ‘’big five’’ (leão, leopardo, búfalo, elefante e rinoceronte) em seu habitat natural.  Ao redor, estão alguns dos game lodges mais luxuosos do mundo, acomodações que oferecem exclusividades integradas à natureza do local.

 

Pilgrim’s Rest

Antiga cidade mineira da África do Sul, a pequena Pilgrim’s Rest proporciona aos visitantes uma viagem ao passado do país. Além de museus temáticos, edifícios restaurados e um hotel inspirado na época vitoriana, a cidade é referência de lojas e armazéns que vendem verdadeiras antiguidades e artigos colecionáveis.

 

Blyde River Canyon

O Blyde River Canyon se resume à impressionantes paredões de granito com mais de 800 metros de profundidade. Em tamanho, perde apenas para o Grand Canyon e o Fish Eagle Canyon. A imensidão de seus desfiladeiros é agraciada por uma exuberante vegetação e a presença marcante da vida animal.

 

Bourke’s Luck Potholes

Formadas pelo encontro dos rios Treur e Blyde, as formações rochosas naturais de Bourke’s Luck Potholes possuem enormes buracos circulares que foram esculpidos ao longo dos anos com a erosão dos rios. Em contraste com as rochas listradas de branco e amarelo, formam-se piscinas naturais de águas verde-esmeralda que podem ter até 6 metros de profundidade.

 

Three Rondavels

Entre as paredes do Blyde River Canyon, três picos arredondados de dolomita chamam a atenção. Trata-se do Three Rondavels, formações rochosas em espiral com topo coberto por vegetação e encostas manchadas por liquens alaranjados. O visual fica completo com o azul das águas do Blyde River.

 

Sudwala Caves

Esculpido há mais de 300 milhões de anos, o complexo de cavernas Sudwala remontam à era mais antiga da Terra. O local exibe incríveis formações rochosas, colunas de estalactites e estalagmites, fósseis de animais primitivos e ainda a curiosa existência de seres vivos, como morcegos ferradura, algas e samambaias.

 

Rota Panorâmica

Seguindo o curso do Blyde River, a denominada Rota Panorâmica pertence à estrada sul-africana R532. O trajeto percorre todas as paisagens naturais de Mpumalanga, desde seus famosos cânions ao mais belo conjunto de cachoeiras: a Mac Mac, a Berlin Falls e a Lisbon Falls. Os viajantes podem iniciar o percurso em Graskop, cidade próxima dos mirantes de God’s Window e Wonder View.

 

O que achou dessa experiência pela África do Sul? Deixe o seu comentário abaixo e não esqueça de conferir outras dicas de viagem no blog da Viaggi!

 

Mande seu comentário!