(45) 3035.1801 viaggiturismo@viaggiturismo.com.br

7 destinos fascinantes para os apaixonados por literatura

Já pensou em fazer uma viagem onde as atrações envolvem uma paixão sua? Os amantes de literatura, por exemplo, vão se sentir no universo mágico de grandes obras através dos seguintes destinos:

 

Dublin

A capital da Irlanda é o paraíso para os admiradores de Oscar Wilde, um dos maiores nomes da literatura. O escritor estudou na Universidade de Trinity e morou por muitos anos em uma casa próxima a instituição, que atualmente funciona como um museu em homenagem ao artista. Além disso, é possível viver uma experiência que mescla literatura com uma das tradições irlandesas: o pub. O Literary Pub Crawl é um tour com interpretações artísticas visitando diversos bares, pubs e lugares históricos da cidade.

 

Londres

A literatura inglesa ganhou prestígio mundial através de William Shakespeare, Charles Dickens e até mesmo personagens fictícios, como o detetive Sherlock Holmes e o mago Harry Potter. Londres esbanja um riquíssimo acervo literário, exposto em sua maioria na Biblioteca Nacional Britânica. A coleção do local é de nada menos do que 130 milhões de exemplares, até mesmo de outros países e diferentes idiomas. Aqueles que preferem a ficção ainda podem viver um roteiro de cenários e atrações vistas nas obras adaptadas para o cinema.

 

Viena

A relação de Viena com a arte não é só na música e na dança. Por volta de 1900, a capital da Áustria era considerada a cidade dos grandes escritores. Atualmente, preserva o seu amor pela literatura na tradição de cafés literários espalhados pela cidade, reconhecidos pela UNESCO como Patrimônio Imaterial de Viena. O local era muito frequentado por importantes intelectuais e artistas vienenses, a exemplo de Hugo von Hofmannsthal e Peter Altenberg. A Biblioteca Nacional da Áustria e a casa Literaturhaus Wien também entram no roteiro literário.

 

Praga

A contribuição de Praga no universo da literatura é um dos mais importantes nomes da literatura mundial. Apesar de ter suas obras escritas em alemão, Franz Kafka nasceu na capital da República Tcheca e deixou sua marca na cultura do país e no museu que leva seu nome. Além disso, é em Praga que está situada a Biblioteca do Mosteiro de Strahov, considerada a mais bela do mundo. O motivo? A arquitetura barroca e o teto repleto de afrescos.

 

Paris

Inspiração para incríveis artistas, Paris já foi um centro do mundo literário. Os cafés da cidade, como o Les Deux Magots, recebiam a ilustre visita de grandes escritores do século XX, a começar por Truman Capote e Hemingway. Atualmente, a capital da França tem como atração literária os cemitério de Montparnasse e Père Lachaise, onde estão os corpos de Sartre, Baudelaire, Maupassant, Oscar Wilde e Proust. Paris ainda coleciona belíssimas bibliotecas, galerias de arte e atrações muito citadas no universo da literatura.

 

Buenos Aires

Representando a América Latina, Buenos Aires era o local de encontro de escritores da região. A nossa vizinha é considerada a cidade com mais livrarias do mundo: são 467. No interior de um teatro clássico, a Livraria El Ateneo é a mais famosa de todas. O roteiro literário pela capital da Argentina ainda inclui o edifício onde morou o escritor argentino Jorge Luis Borges e o café London City, um dos preferidos de Julio Cortázar para escrever seus romances.

 

Edimburgo

De acordo com os escoceses, é difícil não virar artista morando em um país de paisagens encantadoras. E eles estão mais do que certos. Declarada pela UNESCO como Cidade Literária, Edimburgo tem uma enorme lista de escritores que viveram ou nasceram no país. J.K. Rolling, Walter Scott e James Boswell são apenas alguns deles. A cidade considerada uma das primeiras sociedades literárias da Europa é palco de inúmeros festivais artísticos, como o Festival Internacional do Livro de Edimburgo, e oferece tours pelas obras de referência literária na capital da Escócia.

 

Acompanhe o blog da Viaggi para muitas outras dicas e conteúdos de viagem!

 

Mande seu comentário!